Histórico do Curso

O Curso de Design, do Centro de Ciências e Tecnologia da UFCG obteve autorização de funcionamento em 25 de setembro de 1978, com a denominação Curso de Bacharelado em Desenho Industrial, através da Resolução n° 24/78 do CONSEPE/UFPB que estabeleceu sua estrutura curricular, graças ao esforço do reitor Linaldo Cavalcante de Albuquerque em interiorizar a Universidade Federal da Paraíba – UFPB com a criação de novas áreas de conhecimento e a contratação de professores.

Com a vinda de professores dos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo (Ivan Macedo, Tamico Yamada, Gustavo Amarante Bonfim e Wagner Braga Batista) e com o professor Itiro Iida do Curso de Engenharia Mecânica, foi dado início à estruturação do Curso de Desenho Industrial.

Apesar da falta de experiência acadêmica dos professores recém-chegados, os mesmos puderam vivenciar o desafio de constituir um curso dentro de uma perspectiva bastante inovadora – primeiro curso de desenho industrial integrado a área de tecnologia, e além do mais localizado na região nordeste.Vale enfatizar que o contato com a realidade socioeconômica do Nordeste seria uma singularidade deste projeto pedagógico, pois os cursos criados até o momento estavam localizados nos grandes centros e vinculados a área de artes ou de humanidades.

O Curso de Desenho Industrial teve sua origem no Laboratório de Desenho Industrial (um dos cinco implantados no Brasil pelo CNPq), localizado dentro do Departamento de Engenharia Mecânica. A primeira turma de Desenho Industrial matriculou-se em agosto de 1978, e para o processo de seleção houve dois tipos de aluno que se candidataram: pessoas que tinham experiências em outros setores de atividades e pessoas atraídas pela novidade do curso. Nesse período o currículo era composto por três blocos fundamentais: formação técnica, operacional e humanística.

Apesar do Curso necessitar de docentes e técnicos especializados para empreendê-lo, o mesmo se viabilizou através da contribuição de integrantes de outros departamentos da UFPB. Sendo que, ao final de 1979, o corpo docente do curso estava composto por 12 professores.

A partir de 1990, o Laboratório de Desenho Industrial foi tomando formato de departamento quando os professores da Área de Desenho Industrial se transferiram para sua sede e passaram a desenvolver as atividades fins no âmbito da UFPB.  Até que em 1993 foi definitivamente desmembrado do departamento de origem e transformado em Departamento de Desenho Industrial, sendo nomeado chefe pró-tempore o professor Natã Morais de Oliveira, formado na mesma instituição.

Vale salientar que o Laboratório de Desenho Industrial foi instrumento importante para o design da Paraíba e para o cenário do design nacional, através de eventos e ações como o Primeiro Workshop de Pós-Graduação em Design no Brasil, o Curso de Atualização em Design de Produto, ministrado pelos professores Gui Bonsiepe, Petra Kellner e Holger Poessnecker, gerando a publicação pelo CNPq sob título Método Experimental: desenho industrial, o Curso de Atualização de Fotografia Profissional, em parceria com a Fundação Parque Tecnológica da Paraíba, a 3ª e a 4ª Semana de Design da Paraíba, 1º, 2º e 3º Seminário Internacional de Software Design e a exposição Paraíba Mostra Design.

No ano de 2013, o então, Curso de Desenho Industrial passou a se chamar Curso de Design através da Resolução 09/2013 da Câmara Superior de Ensino da UFCG e através da Portaria MEC/SERES 706 de 18/12/2013. Em 2014 o curso obteve a aprovação do Mestrado em Design de Produto abrindo nova porta para a inserção acadêmica da pesquisa em design.

O curso se faz presente em eventos científicos, artísticos e culturais, incentivando a publicação de artigos e o envio de projetos de produtos para os diversos concursos que ocorrem durante o ano.